Temer nomeia ministro acusado de usar offshores

Jornalista Fernando Brito, do Tijolaço, lembra que o presidente Michel Temer vai Newton Cardoso jur com Temernomear como ministro da Defesa o deputado federal Newton Cardoso Jr. (PMDB-MG), que assim como o seu pai e ex-governador de Minas, Newton Cardoso, teriam usado empresas offshores abertas com a ajuda da Mossack Fonseca para comprar um helicóptero com valor estimado em US$ 1,9 milhão e um flat em Londres ao custo de 1,2 milhão de libras (6,3 milhões em valores corrigidos), segundo apontou o El País; o blogueiro afirma, ainda, que o novo ministro é “ativista, desde a primeira hora, da eleição de Eduardo Cunha à Presidência da Câmara”, afastado do cargo por recebimento de propina desvendada pela Operação Lava Jato

Por Fernando Brito, do Tijolaço – Ontem, contei aqui a história do Tio Ivo – sábio “coroa” que jogava bola conosco numa vila do Lins de Vasconcellos – que nos gritava lá da sua posição de “beque parado”: – Larga, deixa esse sozinho que a natureza marca!

Pois não é que Michel Temer não esperou nem botar a faixa e já mostrou que a sua natureza vai “marca-lo”, talvez ao ponto de perder logo a bola, como ensinava a sabedoria do Tio Ivo.

Concordou – se é que não promoveu – com a nomeação de Newton Cardoso Júnior para chefiar o Ministério da Defesa.

Newtinho é, como se sabe, filho de “Newtão”, o ex-governador Newton Cardoso, de Minas Gerais e foi candidato porque o pai foi impedido pela lei da Ficha Limpa.Newton Cardoso Jr com Cunha

Ativista, desde a primeira hora, da eleição de Eduardo Cunha à Presidência da Câmara. A foto ao lado mostra os dois em campanha, com o adesivo do “santinho” de Cunha.

Júnior também é personagem dos “Panamá Papers”, segundo narra o El País.

O deputado federal Newton Cardoso Jr. (PMDB-MG) e seu pai, o ex-governador de Minas Gerais Newton Cardoso teriam usado empresas offshores abertas com a ajuda da Mossack Fonseca para comprar um helicóptero com valor estimado em 1,9 milhão de dólares (cerca de 8 milhões de reais) e um flat em Londres ao custo de 1,2 milhão de libras (6,3 milhões em valores corrigidos).

É por isso que estão pipocando, em off, reações de altos oficiais contra a indicação do garoto travesso para chefiar as nossas Forças Armadas.

Pode ser, que, por isso, Temer recue.

E o garotão terá pagado mico na comemoração no Facebook;

Mas o desaforo está feito.

Tio Ivo tinha razão.

  1. Como se previa Temer voltou atrás. Já tomou outro “peitaço”. Ah, Tio Ivo…

Fonte: Brasil 247

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.