Reestruturação da área de serviços e infraestrutura do Banco do Brasil

BB figura destaque 500 x 223Na reunião realizada nesta quarta-feira (20) com o Banco do Brasil, inicialmente, a CONTEC pediu que o Banco detalhasse como se dará a priorização para aproveitamento dos funcionários atingidos pela reestruturação, bem como a respeito da flexibilização das trilhas, havendo o banco informado que no âmbito da VISIN, o funcionário poderá acompanhar os serviços e fora do âmbito da VISIN, a concorrência será normal para os casos de promoção e, para cargos com remuneração semelhante, dependerá apenas de entrevistas. O BB esclareceu ainda que haverá flexibilização das trilhas.

Questionado pela CONTEC, o banco informou que só haverá possibilidade de opção de jornada de 8 horas nos locais em que houver vagas para funções de jornada de 8 horas.

A respeito do pedido de dilação do prazo para início do “esmolão” solicitado pela CONTEC, o BB informou haver decidido adiar apenas do dia 25/01 para 15/02/2016.

A CONTEC ponderou que a implementação da reestruturação nas datas previstas não permite a capacitação dos funcionários atingidos antes do seu início, o que entende exigir maior dilatação dos prazos. Como forma de amenizar os efeitos para os funcionários atingidos, a CONTEC solicitou que o BB estude a possibilidade de realização de trabalho à distância (trabalho remoto), como alternativa para manutenção do funcionário na cidade de sua atual lotação, havendo o banco registrado entender inviável.

A CONTEC também pediu que o banco apresente a situação atual das movimentações por cargo, ficando a empresa de fazer a apresentação no próximo dia 26/01/2016.

Em razão de dúvidas levantadas por funcionários, a CONTEC solicitou que o banco expedisse orientação referente a necessidade de inscrição no TAO, ficando a empresa de expedir orientação na mesma data.

Fonte: Contec

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.