Dilma exonera Fábio Cleto, aliado de Cunha, da vice-presidência da Caixa

Em retaliação ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB­RJ), a presidente Dilma Rousseff exonerou nesta quinta­feira (10) o vice­presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa, Fábio Cleto . O aliado de Cunha era responsável pelas loterias federais e por fundos como o FGTS.

A exoneração foi publicada nesta quinta­feira no “Diário Oficial da União” e ocorre 15 dias após a deflagração do processo de impeachment por Cunha.

Há apenas dois dias, Cleto havia sido reconduzido para representar a Caixa no comitê que avalia os investimentos do FI­FGTS (Fundo de Investimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

O executivo de 39 anos é formado em administração de empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e já trabalhou em instituições como Dresdner Bank e Itaú.

Indicação
O presidente da Câmara nega que tenha indicado Cleto para o cargo na Caixa. “(…) Foi uma indicação da bancada do PMDB pela gestão [liderança] do Henrique Alves. É uma pessoa que eu não vejo há bastante tempo. É um profissional de qualificação. E, até brinquei hoje, acho que para o currículo dele foi bom”, afirmou o peemedebista.

Fonte: Valor Econômico

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.