12/12/19 Ativista

Moro não é ministro, é apenas o advogado da ultradireita

“Moro, o ex-juiz que também hoje posou junto a uma homenagem com sua imagem feita de balas de revólver, é o advogado perfeito da ultradireita brasileira. Graças a ele, gente como Aécio Neves e a família Bolsonaro se julga acima da lei”, diz o deputado Rogério Correia (PT-MG)

O extremismo brasileiro de direita está muito bem servido de advogado. Sergio Moro já foi juiz, capa de revista, bajulado pelas associações patronais de todo o país, posou de herói de araque contra a corrupção…

Mas nunca caiu tão bem quanto na função que ocupa atualmente: a de defensor de todas as práticas, lícitas ou não, cometidas pelos quadros da ultradireita nacional. Agora sabemos que ele defendeu, junto aos ministros do TSE, a também ex-juíza Selma Arruda, que teve seu mandato cassado ontem pelos magistrados do tribunal eleitoral.

Selma era conhecida como a “Moro de Saias”, apelido que, convenhamos, parece ser muito correto.  Antes do julgamento, Moro visitou integrantes da Corte para convencê-los de que Selma não deveria perder seu mandato. A senadora recebeu R$ 1,2 milhão em transferências e não declarou o valor à Justiça Eleitoral.

Talvez se tivesse comprado um pedalinho de latão de menos de R$ 5 mil, talvez aí Moro deixaria de defendê-la…  Numa tacada só o ex-juiz de primeira instância do Paraná, aquele que cresceu porque se dispôs a prender Lula sem provas e, assim, levar Bolsonaro à presidência…

Numa tacada só o hoje ministro da “Justiça” de Jair Bolsonaro pode ter cometido crimes como advocacia administrativa e tráfico de influência; e, além disso, demonstrou mais uma vez (mais uma entre centenas de outras vezes) sua total falta de austeridade para o exercício do cargo que ocupa.

Moro, o ex-juiz que também hoje posou junto a uma homenagem com sua imagem feita de balas de revólver, é o advogado perfeito da ultradireita brasileira. Graças a ele, gente como Aécio Neves e a família Bolsonaro se julga acima da lei.

Fonte:  247

Email this to someone

Tags:, ,