06/04/21 Privatização

IPO da Caixa Seguridade pode gerar R$ 5,7 bi

O governo Bolsonaro e a direção da Caixa deram mais um passo para fatiar as subsidiárias. A Caixa Seguridade lançou o IPO (oferta inicial de ações) ao mercado e pode levantar até R$ 5,7 bilhões, considerando a faixa de preço por ação entre R$ 9,33 bilhões e R$ 12,67 bilhões. 

Devem ser ofertadas inicialmente 450 milhões de ações da Caixa. Também com a possibilidade de a oferta ser aumentada em até 15%, ou seja, até 67.500.000 ações da acionista vendedora. O que pode elevar a captação para R$ 6,548 bilhões. 

O Banco Morgan Stanley (Coordenador Líder), Caixa, o Bank of America, o Credit Suisse (Brasil), o Banco Itaú BBA e o UBS Brasil fazem parte da operação. A fixação do preço vai acontecer no dia 27 de abril e o início das negociações do papel está marcado para o dia 29 deste mês. 

Vale lembrar que somente em 2020, a Caixa Seguridade – terceiro maior grupo de seguros do país – obteve lucro líquido de R$ 1,769 bilhão. Mas, Bolsonaro quer descapitalizar, a qualquer custo, o único banco público do país e indutor de desenvolvimento social e econômico para privatizá-lo.

Fonte: Movimento Sindical

Email this to someone

Tags:, ,