21/05/20 Saúde Caixa

Bancários têm dificuldade de reembolso na Caixa

Os empregados admitidos na Caixa a partir de setembro de 2018, não inclusos no Saúde Caixa relatam sobre as dificuldades e problemas com o reembolso do plano de saúde.  Há vários casos de bancários que estão há meses na espera por resposta, sem conseguir ter o cadastro efetivado.

Segundo a CGPAR 23, editada pelo governo federal, as estatais não devem permitir a adesão dos novos empregados e nem de dependentes ao plano de saúde. Mas, a resolução dá a alternativa para contratarem um plano individualmente e obterem reembolso parcial. E isso reforça ainda mais a necessidade do Saúde Caixa para todos. 

Para calcular o reembolso, foi criado o RH 227 que estabelece regras e prevê que a restituição seja limitada ao menor valor entre 50% da mensalidade do plano contratado pelo trabalhador, para cada beneficiário da família. 

O banco ainda estabeleceu uma média de custo de plano de saúde que estão muito abaixo do mercado e criou uma tabela de reembolso por faixa etária. Um verdadeiro absurdo. As normas dificultam ainda mais a situação dos trabalhadores que acabam abrindo mão da assistência por não ter condições de arcar com as despesas. 

O movimento sindical encaminhou, em abril, um ofício para a Caixa reivindicando a inclusão de todos os novos empregados no plano de saúde durante a pandemia causada pela Covid-19.

Fonte: Movimento Sindical

Email this to someone

Tags:, ,